Arquivo da categoria: Documentários

story-of-broke

Novo documentário da série story of stuff, Story of Broke

Você conhece aquela história que os governantes contam de que não teem dinheiro para fazer as obras e pagamentos necessários para a construção de um mundo melhor, todos conhecem. A animação da Annie Leonard está ai para demonstrar como o dinheiro que é pago por nós aos governos, os tributos, atingem valores extraordinários mas não são utilizados da maneira devida e porque não são.

The Story of Broke é a continuação da série The Story of Stuff the Annie Leonard e de Free Range Studios que conta porque a visão de que os EUA estão quebrados é falsa. O video demonstra que existe dinheiro para suprir as necessidades das pessoas mas não está ocorrendo a aplicação do dinheiro para esta finalidade.

Esta é uma visão compartilhada pela equipe de O Libertário .org. Mas principalmente, não é que exista dinheiro para fazer o que é extremamente necessário, mais do que isto, existem recursos e pessoal para fazer. Dinheiro como sabemos se imprime de acordo com a demanda do governo. O que importa mesmo são os recursos materiais e humanos, e isto nós temos.

Assista “A História do Quebrado” (the story of broke) em O Libertário.org, está em nossa lista de Documentários.

Documentário: O dia que durou 21 anos

Extraordinário Documentário que revela minuciosamente a participação do governo dos Estados Unidos no golpe militar de 1964 que durou até 1985 e instaurou a ditadura no Brasil.
Pela primeira vez, documentos do arquivo norte-americano, classificados durante 46 anos como “Top Secret” são expostos ao público.
Textos de telegramas, áudio de conversas telefônicas, depoimentos contundentes e imagens inéditas fazem parte desse documentário, narrado pelo jornalista Flávio Tavares.

O Dia que durou 21 anos é uma coprodução da TV Brasil com a Pequi Filmes, com direção de Camilo Tavares. Roteiro e entrevistas de Flávio e Camilo Tavares.

Da Servidão Moderna – Ajude os estudantes a fazer uma reflexão sobre a realidade

Enquanto tomava conta da minha pequena neste domingo, assisti o documentário “Da Servidão Moderna”, o qual consta abaixo para sua apreciação.

Eu venho tentando realizar um programa que criei para passar filmes e documentários nas escolas que tenho contato e este documentário alterou um pouco a ordem de apresentação dos mesmo.

Claro, ainda não realizei qualquer etapa do projeto além da idealização. Ocorre que este documentário reavivou este objetivo e hoje mesmo tomarei algumas medidas que deverão possibilitar a realização deste projeto.

A idéia é de ir as escolas e apresentar o projeto que passo a expor:

Um filme/documentário por semana ou quinzena, em substituição a alguma vacância de professores ou atividades escolares, em turmas com maioria de adolescentes com a finalidade de desenvolver o senso crítico nos mesmos. Após o filme, um debate de no máximo 20min para que possamos analisar as impressões que foram deixadas pelo filme.

O programa deverá ter a seguinte ordem cronológica, para respeitar as limitações e dógmas que cada um carrega dentro de si e para que estes possam ser postos de lado a cada seção:

1. Da Servidão Moderna;
2. A Corporação;
3. A História das Coisas e Ilha das Flores;
4. Muito Além do Cidadão Kayne;
5. O Mundo Segundo a Monsanto;
6. Democracia Hackeada;
7. Iraque à Venda;
8. Terráqueos;
9. Zeitgeist;
10. Zeitgeist Addendum;

Se alguém tiver alguma sugestão para este programa, por favor, fique a vontade para comentar esta postagem. Como este documentário deixa claro, a revolução precisa de participação massiva e a voz de todos deve ser ouvida e analisada. Continue lendo

mercado-de-carbono

A História do Mercado de Carbono (a verdadeira história) – Video

Desde que conheci a intenção do projeto Story of Stuff, postei o vídeo A História das Coisas aqui no Libertário .org.

Já existem outros vídeos desta série, mas não tive tempo de postar. Mas quem quiser pode aguardar que postarei os videos sempre que entende-los conexos com a intenção deste site.

Hoje consegui uns minutinhos para ver o filme abaixo que não sabia que exisitia, encontrei de repente, enquanto procurava um outro, mas que segue a linha de pensamento deste libertário que não acredita no mercado de carbono desde que aprendeu sobre suas reais intenções.

O vídeo abaixo fala algumas verdades sobre o Mercado de Carbono negociado nas bolsas de valores de todo o mundo e alimentado pelo suposto aquecimento global. Desta vez a apresentadora Annie Leonard questiona este duvidoso artifício utilizado pelos negociadores de Wall Street que beneficia os grandes poluidores, recompensa por atitudes ineficazes e distrai a sociedade na hora de pedir por medidas realmente eficientes.

A apresentadora chega a dizer que este modelo serve para distrair o público para que não apresente ele mesmo novas formas e políticas. Continue lendo

sistema-monetario-corruptor

Sistema Monetário é corruptor – Entenda porque

…”o Sistema Monetário é há muito tempo considerado uma força positiva na nossa sociedade graças à sua alegação de que produz incentivos e progresso. Na verdade, o sistema monetário tornou-se um veículo para a divisão e o controle totalitário.

Ele é a expressão máxima do lema “Dividir e conquistar”, pois em seu núcleo estão as suposições de que (1) Devemos lutar uns com os outros para sobreviver (2) Seres humanos precisam de um “estímulo” recompensador para fazer coisas significativas.

Quanto ao Número 1 (Devemos lutar uns com os outros para sobreviver), essa característica da competição no sistema é o que produz corrupção em todos os níveis da sociedade, pois parte do “nós contra eles”. Muitos argumentam que o sistema de “livre comércio” é bom… Mas ele é corrupto nos dias de hoje, graças as políticas ruins, favorecimento, auxílios financeiros, etc. Eles supõem que se um mercado livre “puro” fosse instituído, as coisas seriam melhores. Isso é falso, pois o que você está vendo hoje é o livre mercado em funcionamento com todas as suas desigualdades e corrupção. Não há lei que vá impedir vendas privilegiadas, conspirações, monopólios, abuso de mão-de-obra, poluição, obsolescência calculada e coisas do tipo… Isso é o que o sistema baseado em competição cria com eficiência, pois é baseado na premissa de tirar vantagem dos outros para obter lucro. Ponto final.

Precisamos começar a abandonar esses ideais opressivos e caminhar em direção de um sistema projetado para cuidar das pessoas… Não para forçá-las a lutar por sua sobrevivência. Quanto ao Número 2 (“Seres humanos precisam de um ‘estímulo’ recompensador para fazer coisas significativas), essa é uma perspectiva triste e incrivelmente negativa do ser humano. Supor que uma pessoa precise ser “motivada estruturalmente” ou “forçada” a fazer algo é simplesmente absurdo. Continue lendo

Quem é Peter Joseph? Conheça o criador do Movimento Zeitgeist

O Zeitgeist é um puta documentário que pode libertar a mente de qualquer um que já esteja buscando por isto.
Dizem alguns que ele é totalmente “nova era”, pró-Nova Ordem Mundial.

Pelo que eu entendi, o Movimento Zeitgeist prega um governo central gerenciado por computadores que serão alimentados com informações sobre os recursos da terra e com as necessidades dos seres humanos. Seriam os computadores que diriam o que é melhor de fazer, como e porque.

Infelizmente, não podemos confiar em qualquer um principalmente no momento incoerente em que estamos.

Para que não fique dúvidas, segue a lista de reprodução de um Documentário no Youtube que é uma entrevista com o idealizador do Movimento Zeitgeist, Peter Joseph, onde ele responde algumas das perguntas feitas por todos e expõe os problemas que tem passado por ter colocado “sua cara a tapa”.

Espero que aqueles que lerem e verem este documentário, comentem por aqui para que possamos conhecer as dúvidas e perigos que todos veêm neste novo “sistema”.

Entrevista “Quem é Peter Joseph?” Continue lendo

What_In_The_World_Are_They_Sparying1

Chemtrails – o que andam espalhando em nossos céus? Documentário

Incluímos o documentário abaixo na nossa lista de documentários.
Regozijem-se!!

Retirado do site: blog.antinovaordemmundial.com

Eu havia assistido este filme há alguns meses atrás e faz tempo que gostaria de escrever sobre o assunto, mas estava esperando sair as legendas em português, o que finalmente aconteceu (dica da Luciana C.).

Este filme é o primeiro que realmente trata Chemtrails do ponto de vista científico, elevando o tema Chemtrails ao um outro patamar em termos de credibilidade e provas. É basicamente uma investigação em todos os aspectos do fenômeno chamado de chemtrails.

Para os marinheiros de primeira viagem, chemtrails são rastros permanentes de aviões, diferente dos que normalmente estamos acostumados a ver. Ao contrário dos rastros normais, que se dissipam após alguns minutos, os chemtrails permanecem por até horas depois do avião passar, e muitas vezes se espalham, criando uma camada de nuvens. Existem algumas evidências que os chemtrails seriam parte de uma conspiração para borrifar elementos químicos na atmosfera, que poderiam comprometer o sistema imunológico das pessoas, ou até mesmo funcionar em conjunto com o HAARP, de modo a ter influência sobre a mente das pessoas ou ainda para criar uma “tela” 3D com a capacidade de projetar hologramas gigantes. Grande parte disso são especulações, mas este filme apresenta evidências que prova parte destas teorias.

Este filme mostra a relação entre Chemtrails e a  ”geo-engineering“, geo-engenharia ou ainda “engenharia da terra”, um novo ramo científico que tenta achar maneiras de combater a falácia do aquecimento global através de várias medidas, sendo uma delas a pulverização de nano-partículas de alúminio (entre outros materiais) na atmosfera. É atrás desta relação é que G. Edward Griffin, Michael Murphy e Paul Wittenberger vão, e suas descobertas realmente são surpreendentes. Continue lendo

simbolo-alimento-transgenico

O que são alimentos transgênicos? Fazem mal? Como identifica-los?

Vá até a sua dispensa, verifique a existência do símbolo ao lado em algum de seus alimentos.

Você sabe o que ele significa?
Alimento Transgênico, não é isso?

Apesar de estarem tentando esconder isso de nós, o Ministério da Saúde sabiamente aprovou o Decreto nº 4680/03 e a Portaria nº 2.658/2003 que determinaram a obrigatoriedade da rotulagem de produtos com mais de 1% de transgênicos em sua composição.

Porém, apesar da obrigatoriedade, ninguém que eu conheça sabe o que significa este símbolo, ou seja, colaram uma figurinha nos produtos e não disseram o que ele significa. Claro lobby da Monsanto…

Alimentos Transgênicos são todos os alimentos geneticamente modificados.
De acordo com a FDA, esses produtos não podem ser destinguidos dos demais pelo fato de serem “iguais” ao alimentos não transgênicos, mas vários estudos demonstram contradições nos relatórios da FDA.

Há mais informações sobre Alimentos Transgênicos no site transgenicosnao.blogspot.com

Se fazem mal, bem, deêm uma olhada em como a Monsanto agiu durante seus anos dourados e veja que ela sempre escondeu a verdade sobre diversos de seus produtos.
Os documentários que mencionamos aqui tem bastante informações referentes.

Monsanto é a maior empresa de biotecnologia do mundo (na marra), líder mundial em alimentos transgênicos, com 90% do mercado. Fabricante das marcas Roundup (herbicída líder a 30 anos), soja para roundup (soja roundup ready), aspartame (edulcorante substitúto do açúcar nos produtos diet), hormônio do crescimento (proibido no Canadá e na Europa), dentre outros produtos altamente tóxicos como o Agente Laranja (desfolhante utilizado na guerra do Vietnã), e PCB (conhecida no Brasil como Ascarel), uma substância extremamente tóxica, que foi proibida em 1971 nos EUA e 1981 no Brasil.

O Grupo Monsanto atua no Brasil por meio das seguintes empresas:
Monsanto do Brasil Ltda., Agroeste Sementes S.A., Monsoy Ltda., Monsanto Nordeste Indústria e Comércio de Produtos Químicos Ltda., Alkagro do Brasil Ltda., Stoneville Brasil Ltda., Agroeste Participações Ltda., MDM Sementes Algodão Ltda., D&M Brasil Algodão Ltda., D&PL Brasil Ltda., Sementes Selecionadas Ad Ltda. e WestSeeds Participações Ltda.

O maior mito utilizado para legimitar o mercado dos transgênicos é que “o aumento de produção dos alimentos resolveria a fome”. Não precisa ser nenhum economista pra saber que o problema da fome e da miséria não é a escassez de alimentos, mas a má distribuição de riqueza produzida. Ainda mais em um novo modelo onde você terá de pagar royalties e taxas paras poucas transnacionais que monopolizam o mercado.

Pesquisando sobre o assunto, encontrei dois documentários de tirar o fôlego, que já fazem parte de nossa lista de doumentários.

Sweet Misery - Aspartame
O primeiro foi Sweet Misery, sobre o aspartame, o qual aparentemente é a causa do aumento de doenças raras.

O segundo é O Mundo segundo a Monsanto, que demonstra claramente que estamos sendo engolidos pelo corporativismo selvagem, que transforma o ser humano em mais um obstáculo que precisa ser transposto.

Aos estudantes de direito, recomendo assistir ambos documentários, além de A Corporação, que também toca no assunto.

Cuidado, o seu alimento pode estar lhe causando donças.

Saiba mais em: http://www.algosobre.com.br/biologia/alimentos-trangenicos.html

http://busca.uol.com.br/buscar.html?q=alimento+transgenico

http://transgenicosnao.blogspot.com/

Conheça a lista de produtos transgênicos elaborada pelo Greenpeace em http://www.greenpeace.org.br/transgenicos/pdf/guia_consumidor_4.pdf

Em tempo, como esses desgraçados são aliados no plano contra a população mundial, e pretendem sujar os gênes das espécies naturais, já criaram (não estes) um banco de dados vegetal com mais de 4milhões de sementes, o que chamamos alienadamente de Arca de Noé Vegetal, a qual será assunto por aqui mais futuramente.

Filme: Capitalismo, uma história de amor – Lançamento Michael Moore

Novo documentário do cineasta estadunidense Michael Moore vem dizer o que já temos dito: a culpa de toda a sujeira que há na sociedade humana hoje é do Capitalismo (capetalismo para os mais íntimos).

O novo filme chama-se: Capitalism, a love story, “na sua mais nova obra o controvertido Moore decreta que não há redenção para o capitalismo. Este filme é a história de um crime monstruoso, a especulação financeira, é a história de uma guerra sem tréguas, a luta de classes, e é também um filme de vampiros, onde uns poucos se alimentam do sangue de toda a sociedade.

Michael Moore ficou conhecido em 2002 quando apresentou o documentário “Tiros em Columbine” (do original Bowling for Columbine) que aborda a obsessão em redor das armas nos Estados Unidos da América, relacionando-a com o Massacre de Columbine.

Em 2004 apresentou seu documentário Fahrenheit it 9/11 que retrata a realidade sobre a farsa do atentado as torres gêmeas do WTC. Foi muito criticado em seu país por expor a verdade à mídia internacional (claro!).

Continue lendo

Video: Curta metragem sobre comunicação no Brasil – Dando nomes aos bois

Intervozes lança vídeo sobre Direito à Comunicação
Fonte: http://www.intervozes.org.br/

Numa linguagem inspirada no filme de Jorge Furtado, diretor do documentário “Ilha das Flores” vídeo compara a regulação da comunicação no Brasil com a lei da selva, onde os mais fortes ditam as regras.

Já está disponível no Observatório do Direito à Comunicação o vídeo do Intervozes sobre a temática do Direito à Comunicação. O curta traz uma breve história da concentração dos meios de comunicação no Brasil, com os nomes dos principais atores do cenário, e um panorama sobre a dificuldade de se ter uma comunicação mais democrática no país.

Continue lendo

barack_obama_robot_fall_republic

Novo Documentário – Fall of the Republic: The Presidency of Barack Obama – A Queda da República – A Presidência de Barack Obama

Mais um filme será lançado por Alex Jones, um dos precursores da luta Contra a Nova Ordem Mundial na rede mundial de computadores.
No novo filme, Fall of the Republic: The Presidency of Barack Obama, “A Queda da República – A Presidência de Barack Obama”, continua a saga para demonstrar como o atual presidente dos EEUU é manipulado pela elite global com o único propósito de instalar a Nova Ordem Mundial nos Estados Unidos e no mundo.

Continua porque o documentário mais recente de Alex Jones, chamado de Obama Deception (As mentiras de Obama), iniciou a apresentação desse presidente marionete e suas ligações com a sociedade que vêm controlando nosso mundo por milhares de anos.


Trailer de Fall of the Republic: The Presidency of Barack Obama, “A Queda da República – A Presidência de Barack Obama”.

HQ_new_world_order

Novo Filme – Império Invisível: Nova Ordem Mundial – Confira o Trailer

O novo filme do diretor de Loose Change, Jason Bermas, pretende expor a elite mundial e sua agenda contra a liberdade e os direitos humanos.
Loose Change é o documentário que expões a farsa do 11 de setembro e revela absurdos cometidos pela política americana para implantar um governo de tirania supostamente aceito pela população.
Em Invisible Empire: New World Order, título original do filme que será lançado no inverno americano de 2010, o diretor vai mais à fundo e demonstra conhecer os anceios e ferramentas utilizadas pela sociedade que pretende instalar uma Nova Ordem Mundial de tirania e opressão.

Assista ao trailer e espere lutando Contra a Nova Ordem Mundial.
Façamos!

 

>Trailer de Invisible Empire: New World Order, “Império Invisível: Nova Ordem Mundial”.

blackwater xe iraque a venda

CIA oficialmente acusada de usar mercenários da Blackwater em favor dos interesses americanos e de seus patrocinadores – Estamos quase pegando os miseráveis

Depois falam que é teoria de conspiração.
Como teoria, se os fatos todos se provam, se encaixam e são totalmente evidêntes para qualquer um que tenha um pouco de discernimento entre o que é certo e o que é errado?

A empresa de segurança Blackwater, que mudou seu nome para Xe depois de ser acusada de homicídio (empresa assassina?), contratada pelos EUA “para fazer a segurança” de membros do governo e até mesmo de particulares foi oficialmente acusada de ser uma agência de mercenarios contratados para neutralizar/assassinar/aniquilar membros da Al Qaeda e outros indivíduos que atrapalham os negócios americanos e de seus patrocinadores.

As merdas do Governo Americano começaram a aparecer, mas a atenção esta voltada para o H1N1 e o número ?alarmante? de mortes no mudo (1.799).

Quer saber mais sobre a Blackwater e a invasão do Iraque, assista o documentário Iraq for Sale (Iraque à Venda – Os lucros da Guerra).


Reveja algumas imagens que fizeram com que a Blackwater fosse alvo de acusações sérias de tortura e agressão.

Assista ao documentário, não vai prender você na poltrona, mas vai revelar muita coisa do que realmente aconteceu.

Pandemia de lucros para as empresas farmacêuticas: vacinações mundiais para espalhar doenças

h1n1 influenza a suina rumsfeld
Cuidado, virão falsas informações sobre conspirações.
Este é o método deles.
Portanto, fique atento para ler falsas informações e verdadeiras informações.
Leia ambas e saiba tirar o que há de verdadeiro e o que há de útil por trás de toda a notícia.

Em postagem anterior já falamos sobre a gripe suína e sobre o Tamiflu.
Agora, resta-nos tratar dessa medida adotada para criar pânico e espalhar uma falsa vacina.

A vacinação será a melhor forma de espalhar a gripe e cumprir a meta da Nova Ordem Mundial, conforme já relatamos quando informamos sobre as pedras guias da Geórgia.
Não são os meus planos, são os planos da NWO.

E agora, o que vai fazer já que é certo que milhões serão vacinados, haja vista a fabricação em massa desses medicamentos por parte dos governos mundiais?

Pretende se vacinar contra esta farsa?
Pretende ser batizado com produtos que podem ser nocivos a sua saúde?

Assista e entenda:



Conheça o Objetivo do Movimento Zeitgeist: conheça o documentário

O Objetivo

Os Meios são o Fim:

Pretendemos restaurar as necessidades fundamentais e a consciência ambiental da espécie revogando a maioria das idéias que temos de quem e o que realmente somos, juntamente com como a ciência, a natureza e a tecnologia (em vez de religião, política e dinheiro) são a chave para nosso crescimento pessoal, não só como indivíduos, mas como civilização, estrutural e espiritualmente. As percepções centrais dessa consciência são o reconhecimento dos elementos Emergentes e Simbióticos das leis naturais e de como o alinhamento dessa compreensão como base para nossas instituições pessoais e sociais, a vida na Terra transformar-se-á em um sistema que crescerá continuamente, onde consequências negativas sociais como camadas sociais, guerras, preconceitos, elitismo e atividades criminosas serão constantemente reduzidos e, esperamos, venham a deixar de existir no comportamento humano.

Claro que, para muitos humanos, é uma possibilidade muito difícil de se considerar, uma vez que fomos condicionados pela sociedade a pensar que crime, corrupção e desonestidade são “como as coisas são”, que sempre haverá pessoas que querem abusar, ferir e tirar vantagem dos outros. A religião reforça fortemente essa propaganda, já que a mentalidade “nós e eles”, “bem e mal” promove essa falsa suposição.

A verdade é que vivemos numa sociedade que produz escassez. A consequência dessa escassez é que os humanos devem se comportar de modo a se preservar, mesmo que isso signifique enganar e roubar para conseguirem o que querem. Nossa pesquisa concluiu que a escassez é uma das causas mais fundamentais de desvios de comportamento humano, além de levar a formas complexas de neurose. Uma análise estatística do vício em drogas, da criminalidade e da população carcerária demonstra que a pobreza e condições sociais não saudáveis são parte da experiência de vida das pessoas que adotam tais comportamentos.

Seres humanos não são bons ou ruins… Eles são o resultado da experiência de vida que os influenciam e estão sempre mudando, sempre em movimento. A “qualidade” de um ser humano (se existisse algo assim) está diretamente relacionada a como foi criado e aos sistemas de crença aos quais ele foi condicionado.

Esse simples fato vem sendo gravemente ignorado e hoje em dia as pessoas pensam primitivamente que competição, ganância e corrupção são elementos “embutidos” no comportamento humano e, portanto, precisamos ter prisões, polícia e consequentemente uma hierarquia de controle diferenciado para que a sociedade possa lidar com essas “tendências”. Isso é totalmente ilógico e falso.

O x da questão é que para melhorar as coisas, você fundamentalmente precisa trabalhar nas raízes do problema. O atual sistema de “punição” usado pelas sociedades é ultrapassado, desumano e improdutivo. Quando um assassino em série é preso, a maioria das pessoas faz manifestações exigindo a morte dessa pessoa. Isso está errado. Uma sociedade realmente sã, que entende o que somos e como sistemas de valores são criados, pegaria esse indivíduo e aprenderia sobre os motivos por trás de seu comportamento violento. Essas informações passariam então por um departamento de pesquisa, que consideraria modos de evitar que fatos como esse ocorressem através da educação.

É hora de pararmos de remediar. É hora de começarmos uma nova abordagem social que utilize os conhecimentos atuais. Tristemente, nossa sociedade é amplamente baseada em determinações e resoluções ultrapassadas e supersticiosas. É importante ressaltar que não há utopias ou conclusões. Todas as evidências indicam infinitas atualizações em todos os níveis. Por sua vez, são nossas ações pessoais cotidianas que moldam e perpetuam os sistemas sociais que adotamos. No entanto, paradoxalmente, são as influências do ambiente que criam nossas perspectivas e, portanto, nossas visões de mundo. Logo, a verdadeira mudança nascerá não só do ajuste de nossas decisões e compreensões pessoais, mas também da mudança das estruturas sociais que as influenciam.

Os sistemas elitistas de poder são pouco afetados por protestos tradicionais e movimentos políticos. Devemos dar um passo além dessas “rebeliões do sistema” e trabalhar com uma ferramenta muito mais poderosa: parar de apoiar o sistema, ao mesmo tempo em que propagamos o conhecimento, a paz, a união e a compaixão. Não podemos “lutar contra o sistema”. Ódio, ira e a mentalidade de “guerra” são um modo ineficaz de obter mudança, pois eles perpetuam a mesma ferramenta que os sistemas de poder corruptos estabelecidos utilizam para manter o controle.

Distorção e Paralisia:
Precisamos entender que todos os sistemas são Emergentes e estão constantemente em evolução, juntamente com a realidade de que todos nós estamos Simbioticamente conectados à natureza e uns aos outros de modo simples, porém muito profundo, levando à percepção de que nossa integridade pessoal é equivalente à do resto da sociedade. Então, perceberemos o quão distorcida e invertida é a nossa sociedade atual e como sua perpetuação é a causa maior de sua instabilidade. Por exemplo, o Sistema Monetário é há muito tempo considerado uma força positiva na nossa sociedade graças à sua alegação de que produz incentivos e progresso. Na verdade, o sistema monetário tornou-se um veículo para a divisão e o controle totalitário.

Ele é a expressão máxima do lema “Dividir e conquistar”, pois em seu núcleo estão as suposições de que (1) Devemos lutar uns com os outros para sobreviver (2) Seres humanos precisam de um “estímulo” recompensador para fazer coisas significativas.

Quanto ao Número 1 (Devemos lutar uns com os outros para sobreviver), essa característica da competição no sistema é o que produz corrupção em todos os níveis da sociedade, pois parte do “nós contra eles”. Muitos argumentam que o sistema de “livre comércio” é bom… Mas ele é corrupto nos dias de hoje, graças as políticas ruins, favorecimento, auxílios financeiros, etc. Eles supõem que se um mercado livre “puro” fosse instituído, as coisas seriam melhores. Isso é falso, pois o que você está vendo hoje é o livre mercado em funcionamento com todas as suas desigualdades e corrupção. Não há lei que vá impedir vendas privilegiadas, conspirações, monopólios, abuso de mão-de-obra, poluição, obsolescência calculada e coisas do tipo… Isso é o que o sistema baseado em competição cria com eficiência, pois é baseado na premissa de tirar vantagem dos outros para obter lucro. Ponto final.

Precisamos começar a abandonar esses ideais opressivos e caminhar em direção de um sistema projetado para cuidar das pessoas… Não para forçá-las a lutar por sua sobrevivência. Quanto ao Número 2 (“Seres humanos precisam de um ‘estímulo’ recompensador para fazer coisas significativas), essa é uma perspectiva triste e incrivelmente negativa do ser humano. Supor que uma pessoa precise ser “motivada estruturalmente” ou “forçada” a fazer algo é simplesmente absurdo. Lembre-se de quando você era criança e não tinha a menor idéia do que fosse dinheiro. Você brincava, era curioso e fazia muitas coisas… Por quê? Porque você queria. No entanto, conforme o tempo passa em nosso sistema, a curiosidade e auto-motivação naturais são extirpadas das pessoas, pois elas são forçadas a se ajustar a um sistema de trabalho especializado, fragmentado, quase predefinido para poderem sobreviver. Por sua vez, isso costuma criar uma revolta interior natural nas pessoas devido à obrigação e foi assim que separamos os momentos de “lazer” e de “trabalho”. A preguiça que aqueles que defendem o sistema monetário (por alegar que ele cria estímulo) não reconhecem este fato. Numa sociedade verdadeira, as pessoas seguem suas inclinações naturais e trabalham para contribuir para a sociedade – não porque são “pagas” para isso, mas porque têm uma consciência maior de que colaborar com a sociedade ajuda tanto a si próprias quanto a todas as outras pessoas. Esse é o estado elevado de consciência que esperamos transmitir. A recompensa por sua contribuição para a sociedade e o bem-estar daquela sociedade… o que, por consequência, é também o seu bem-estar.

Agora, colocando as coisas em perspectiva, é importante entendermos que nosso mundo é atual e inegavelmente conduzido por um pequeno grupo dominador em altos cargos nas instituições dominantes em nossa sociedade – Negócios e Finanças. O funcionamento do governo é regido pela influência e poder das corporações e dos bancos. O elemento vital é o dinheiro, que na verdade é uma ilusão e hoje tem pouca relevância para a sociedade, servindo como meio de manipulação e desunião num tipo de organização social que gera elitismo, crime, guerras e camadas sociais.

Ao mesmo tempo, as pessoas aprendem que ser “correto” é o que lhes atribui valor como seres humanos. Este conceito de “correto” está diretamente ligado aos valores vigentes na sociedade. Logo, aqueles que aceitam ou apóiam as visões do sistema social são considerados “normais”, enquanto aqueles que discordam são “anormais” ou “subversivos”. Seja isso o dogma de uma tradição social ou o alinhamento com uma religião mundialmente estabelecida, a base é a mesma: o Materialismo Intelectual. Quando percebemos que o conhecimento e, consequentemente, as instituições estão em constante evolução, vemos que qualquer sistema de crença que declare “saber” tudo, sem espaço para o debate, é uma perspectiva errônea. A religião, baseada na fé, é a grande agente de distorção, já que alega ter respostas definitivas sobre as origens mais complexas da humanidade, e isso simplesmente não é possível num universo emergente.

Compreendendo isso, percebemos então que as pessoas que foram condicionadas a aceitar completamente esses ensinamentos estáticos são tão perigosas quanto as Estruturas de Poder Estabelecidas, pois se tornam “guardiãs voluntárias do status quo”. Isso se aplica a todos os sistemas, principalmente ao político, ao financeiro e ao religioso. Uma vez que a identidade das pessoas se associa às doutrinas da ética de um País, Religião ou Empresa, torna-se muito difícil mudá-la, já que sua identidade está mesclada às das ideologias que lhe foram impostas. Assim, os ensinamentos estáticos seguem perpetuando a doutrina da instituição, simplesmente para manter sua integridade pessoal como eles a percebem. Precisamos quebrar esse ciclo, pois ele paralisa nosso crescimento não só como indivíduos, mas como sociedade.

Verdade e Transição

Uma vez que nós compreendamos que a integridade de nossa existência como pessoa está diretamente relacionada à integridade do Planeta Terra, da vida e de todos os outros seres humanos, teremos então um caminho predefinido. Além disso, quando percebermos que são a ciência, a tecnologia e, portanto, a criatividade humana que trazem progresso para nossas vidas, seremos capazes de reconhecer nossas verdadeiras prioridades para o crescimento pessoal e social e para o progresso. Posto isso, podemos ver que a Religião, a Política e o Sistema de Trabalho baseado em Dinheiro/Competição são modos desatualizados de operação social que agora precisam ser abordados e transcendidos. Nossa meta é um sistema social que funciona sem dinheiro ou política, ao mesmo tempo em que permite que as superstições percam terreno à medida que a educação avançar. Ninguém tem o direito de dizer ao outro em que acreditar, pois nenhum ser humano tem a compreensão completa de nenhum assunto. Entretanto, se prestarmos atenção aos processos naturais da vida, podemos ver como eles se alinham à natureza e assim nosso caminho fica mais claro. Por exemplo, muitas pessoas estão preocupadas com o crescimento populacional, enquanto comentários assustadores de pessoas como Henry Kissinger sugerem que seja necessário algum tipo de “redução”. Porém, a pergunta principal continua sendo: o crescimento populacional é tão ruim assim? A resposta é: em uma perspectiva científica, o planeta pode suportar muito mais pessoas se necessário, desde que haja investimentos em alta tecnologia. 70% do nosso planeta é coberto de água e cidades sobre o mar (um dos muitos projetos de Jacque Fresco são o próximo passo). Por sua vez, a educação sobre o funcionamento da vida informará às pessoas sobre as consequências de seus interesses reprodutivos e o crescimento populacional será reduzido naturalmente à medida que as pessoas percebam como elas estão ligadas ao planeta à capacidade de sustentação.

Na verdade, o único verdadeiro “governo” que pode haver é o gerenciamento da Terra e de seus recursos. A partir daí, todas as possibilidades podem ser consideradas. Por isso, é necessária uma unificação intelectual entre os países, pois as informações mais valiosas que podemos ter como espécie são uma avaliação detalhada e completa do que temos nesse planeta. Assim como você avalia o solo e os recursos antes de plantar algo, precisamos fazer o mesmo com o planeta para otimizar aquilo que podemos fazer enquanto espécie, em termos de recursos.

Naturalmente, muitos que analisarem as idéias apresentadas acima vão perguntar: “Como podemos fazer isso, considerando o sistema de valores distorcidos em vigência? Como faremos essa transição? Essa é a pergunta mais difícil. A resposta: temos que começar de algum lugar. Há muitas coisas que podem ser feitas por uma única pessoa ou comunidade que podem começar a moldar essa visão. O passo mais importante é a educação.

Em 15 de março de 2009 (o Dia Z, como foi chamado em 2008) haverá uma série de ações mundiais para aumentar a consciência sobre esse caminho sociológico. Nossa esperança é termos encontros regionais em tantas cidades, estados e países quanto for possível. Nós aqui do zeitgeistmovement.com vamos trabalhar para oferecer material em todas as línguas que pudermos e faremos o possível para ajudar cada subgrupo. Nós nunca pediremos dinheiro. Estamos aqui para ajudar, pois entendemos uma verdade central que está esquecida há muito tempo: quanto mais você dá, mais você recebe.

Obrigado por sua ajuda.

Documentários para você assistir agora

Para que você saiba mais, temos uma seção fixa de diversos documentários.
Esta postagem foi feita exatamente para você nos encontrar.


Perguntado ao Google AdWords quantas vezes determinadas palavras foram buscadas no Google no período de um ano, olhe só essas:
Illuminati – 1.220.000
Nova Ordem Mundial – 33.100
New World Order – 450.000
Novus Ordo Seclorum – 18.100
Martial Law – 201.000
Obama – 45.500.000
Conspiracy – 2.240.000

Procure, veja os erros de digitação nessas buscas e outras palavras em https://adwords.google.com.br/


Clicando nessas imagens você poderá assistir diretamente no youtube, incluída a lista de arquivos extensos.

Continue se informando.
Esse é o primeiro passo.

Saiba porque Obama mente

The Road to Tyranny Legendado Português

Anjos e Demônios Revelados Legendado

A Corporação Legendado

EndGame - A Cartada Final Legendado

Hacking Democracy

Iraque a Venda Os lucros da guerra Legendado

Kymatica Talismanic Idols Legendado

Loose Change 911 Final Cut Legendado

Orwell rolls in his grave

A História das Coisas Dublado

Zeitgeist o filme legendado

Zeitgeist Addendum Legendado Portuguese

The Zeitgeist Movement: Orientation Presentation Legendado Português

A Grande Farsa do Aquecimento Global Legendado

Rede Glogo Muito além do Cidadão Kane

O mundo segunda a Monsanto

Super Size Me a Dieta do Palhaço Dublado

Wake Up Call - Nova Ordem Mundial Legendado

Earthlings Terráqueos Legendado

Ilha das Flores Nacional

Doce Desgraça Sweet Misery Aspartame

Esoteric Agenda Legendado

Illuminati Legendado

Money as Debt Dinheiro é dívida

TerrorStorm Legendado

Coloque estes documentários no seu blog: